Manaus, entre o passado e o presente

compartilhe

Essa obra é uma efetiva reunião de informações do mistério que é a cidade de Manaus e a sua formação urbana. É daqueles livros que podem ser definidos como simples guias e que acabam transcendendo as limitações do gênero. Em Manaus – entre o passado e o presente, o autor Durango Duarte, embora tenha se contentado em reunir num só volume um conjunto rico de informações históricas sobre a capital amazonense, escreveu um livro que acaba por se tornar bem mais abrangente e rico, tanto podendo ser lido como um repositório de fatos, quanto como uma explosão de indignação política. E está escrito numa linguagem tão simples, tão elegante, que não há nenhuma amargura ou ressentimento em suas páginas. Ao contrário, há ternura e carinho pela cidade que nasceu de um forte português, numa ponta de terra que vinha sendo habitada há milênios. A simplicidade do texto absorve toda a aspereza, resultando num desejo infeccioso que nos amarra ao livro até a última página. Mas é, também, uma obra de consulta, não nos esqueçamos disso, um livro de referência que vem preencher uma lacuna.

Manaus, que aparece de corpo inteiro neste livro, revela- se uma cidade de história acidentada, vítima constante de administrações públicas corruptas, incompetentes e brutais com o seu passado. Após o impulso de algumas administrações como a de Araújo Lima, ou durante a passagem de Eduardo Ribeiro pelo governo estadual, a Cidade praticamente ficou na mão de gestores que a odiavam e tudo fizeram para deixar a marca de sua perversidade administrativa. A série de informações e a junção de fotografias do passado, em justaposição às imagens do presente, indicam de forma inquestionável que a maioria dessas administrações não deixou legados, deixou feridas que cicatrizaram de forma horrível. E a cidade moderna, urbanizada, de ruas largas e avenidas monumentais, propostas por Eduardo Ribeiro, acabou melancolicamente numa enorme favela de vielas tortas, como esgoto a céu aberto, igarapés poluídos e o patrimônio arquitetônico abastardado.

No entanto, por se tratar de uma obra rica em dados e fatos, cada leitor poderá lucrar com a sua leitura. Aqueles leitores que aqui chegam para passear ou trabalhar terão neste livro uma fonte rica para se familiarizarem com a cidade que os acolhe. Para os manauenses, é a oportunidade de constatar que nossa querida cidade tem raízes culturais profundas que nem as mais abrutalhadas opções conseguiram destruir. Para os estudantes, há nestas páginas o encontro com uma história rica de exemplos. No fim, é a cidade de Manaus que surge vitoriosa.

Leia o livro nas seguintes plataformas:

 Google Books

 SlideShare

 PDF

Capa do livro Manaus, entre o passado e o presente


Manaus, entre o passado e o presente Durango Duarte

Informações técnicas


Autor: Durango Duarte

Título: Manaus entre o passado e o presente

Páginas: 296

Ano: 2009

Evento de lançamento


O livro Manaus, entre o passado e o presente foi lançado do dia 22 de maio de 2009, no Palacete Provincial.

sobre o autor

Manaus, entre o passado e o presente Durango Duarte Durango Duarte é empresário, publicitário, escritor e pesquisador. É Diretor-Presidente do Instituto Durango Duarte e CEO das empresas #PESQUISA365 e The Voice. Nasceu em 11 de novembro de 1963, em Cachoeira do Sul/RS e veio com a família à capital amazonense em fevereiro de 1975. Apaixonado pela história, pelas memórias de Manaus.

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *