Este acervo conta com vários recortes de fotografias e charges da Revista O Malho, conhecida por suas sátiras relacionadas a história política do Estado do Amazonas e que circularam durante os anos de 1907 e 1952.

Típica Residência as Margens do Rio Juruá

Fachada da residência do senhor Alfredo Marques da Silva e de João Neves da Cruz. Com o assoalho alto por causa da enchente e com muitas janelas para amenizar o calor nas noites quentes.
Visualizar

Residência do Coronel José da Costa Gadelha

Fotografia da fachada da Residência do Coronel José da Costa Gadelha, com o assoalho alto e bem arejada, que já foi proprietário de vários seringais no Departamento do Alto Purús.
Visualizar

Sociedade de Tiro Brasileiro no Amazonas

Na imagem do 1º Batalhão da Sociedade de Tiro Brasileiro no Amazonas, constam nomes conhecidos como: o major fiscal Gentil Bittencourt e o tenente dr. Adriano Jorge.
Visualizar

Fotografia da senhorita Aciolina Gonçalves

Na imagem aparece a senhorita Aciolina Gonçalves que ganhou o Diploma de Honra na Exposição Artística realizada em Manaus. Ela construiu a Torre Eiffel com flores artificiais.
Visualizar

Regimento Militar do Amazonas

Na fotografia está o Regimento Militar do Amazonas em frente ao seu Quartel, podemos ver as estátuas dos soldados Zuavo, localizado na Praça Heliodoro Balbi conhecida como Praça da Polícia.
Visualizar

Trabalhadores do Comércio de Manaus

Na foto os jovens trabalhadores do comércio de Manaus se reuniram para esta fotografia, após o comerciante José da Trindade lhes oferecer um almoço farto.
Visualizar

Antonio Bittencourt Retoma seu Cargo de Governador

Antonio Bittencourt retorna ao cargo de governador do Amazonas pelas mãos de Nilo Peçanha que não aceitou sua deposição pela Assembleia Legislativa.
Visualizar

Sá Peixoto e Silvério Nery São Vaiados em Manaus

Na Charge os senhores Sá Peixoto e Silvério Nery chegam a Manaus e são recebidos a vaia pela população que não esqueceu o Bombardeio de Manaus ocorrido em 8 de outubro de 1910.
Visualizar

Sociedade de Tiro Osório de Paiva

Na fotografia estão os membros da Diretoria da Sociedade de Tiro Osório de Paiva instalada no Município de Lábrea, interior do Amazonas.
Visualizar

Grupo Distinto da Sociedade Manauara

Fotografia de um Grupo Distinto da Sociedade Manauara que a Revista O Malho destacou em sua edição de dezembro de 1912.
Visualizar

Treinamento do Grupo de Tiro ao Alvo de Manaus

Enfileirados aparecem os sócios do Grupo de Tiro de Manaus. O grupo conta com 240 sócios que praticam o tiro sob a orientação capitão tenente Rabel Elyseu Dalle.
Visualizar

Grupo de Tiro Naval do Amazonas

Na imagem o Grupo de Tiro Naval do Amazonas, pertencentes a briosa Marinha do Brasil, faz seu treinamento nos arrabaldes de Manaus.
Visualizar

Impasse na Sucessão ao Governo do Amazonas em 1916

Na charge do O Malho o presidente Venceslau Brás está sentado tendo a sua frente o governador Jonathas Pedrosa que lhe mostra os possíveis candidatos ao governo do Amazonas em 1916.
Visualizar

Materiais em Exposição no Palácio Monroe

Os materias do Estado do Maranhão, Goiás e Alto Purus, além do Estado do Pará ficaram expostos no Palácio Monroe que foi demolido a mando do general Ernesto Geisel.
Visualizar

Abertura da Primeira Exposição Nacional de Borracha

Sessão Solene de Abertura da Primeira Exposição Nacional de Borracha no Rio de Janeiro. Ao lado estão expostos os materiais dos outros Estados Brasileiros.
Visualizar

Primeira Exposição Nacional de Borracha em 1913

Fotografia da visita do presidente marechal Hermes Rodrigues da Fonseca e do coronel Bertino de Miranda a Primeira Exposição Nacional de Borracha em 1913 no Rio de Janeiro.
Visualizar

Sucessão ao Governo do Amazonas em 1916

Zé povo ve que o tal peixe, pescado por Venceslau Brás, é espinhoso e que sua escolha vai ficar atravessada na goela do povo amazonense.
Visualizar

Time de Futebol do Satélite Sporting Clube

Jogadores do Time de Futebol do Satélite Sporting Clube, fundado em 31 de outubro de 1913. Sua sede ficava localizada na Rua Barroso, 30 – Centro. Nessa época os jogos aconteciam na Praça da...
Visualizar

Ribeiro Júnior e a Rebelião na Amazônia

No canto esquerdo a fotografia do tenente Ribeiro Júnior que liderou a Rebelião Tenentista de 23 de julho de 1924. A Rebelião era em oposição ao presidente Artur Bernardes.
Visualizar

Soldado da Borracha cortando lenha

Fotografias retiradas da Revista O Malho, mostram os Soldados da Borracha em diferentes momentos executando suas atividades no período Áureo da borracha.
Visualizar

O comércio de Manaus e a crise da Borracha

O comércio fechou as portas e pede ajuda a União, tudo por causa da crise da borracha que afeta o Amazonas. Segundo o Zé Povo o culpado pela situação é o governador Jonathas Pedrosa.
Visualizar

Intervenção Federal no Amazonas

Na charge podemos observar a mão que segura o porrete representa a tão esperada Intervenção Federal no Amazonas. Tudo por causa da crise da borracha que também sufoca o Estado.
Visualizar

Boato da “Renúncia” de Jonathas Pedrosa

Instantâneo a lápis da Revista O Malho mostrando a alegria da população amazonense pela suposta renúncia do governador Jonathas Pedrosa.
Visualizar

Greve em favor da Borracha

Na charge do O Malho segundo o Zé Povo, tanto os comerciantes quanto o governador estão cegos. Eles iniciaram uma greve e exigem que o governo federal compre toda a borracha.
Visualizar

Charge sobre a crise no Amazonas

Na charge do O Malho, Rivadavia, Hermes e Zé Povo conversam assim sobre a crise que está afetando o Amazonas. Por causa da crise o comércio fechou as portas.
Visualizar

A crise da borracha no Amazonas e Pará

Em primeiro lugar na charge da revista O Malho, mostra como os governadores do Amazonas e do Pará agiram perante a crise da borracha.
Visualizar

A “Reforma” da Constituição do Amazonas-1913

Na charge da Revista O Malho, lado esquerdo, podemos ver a figura da "justiça" sendo agredida pela nova Constituição do Amazonas.
Visualizar

Empresas estrangeiras pedem indenização

Na charge do O Malho as empresas estrangeiras Manaus Markets e a Manaus Improvements pedem indenização ao Estado do Amazonas após extinção de seus contratos.
Visualizar

Alguns membros da Força Policial do Amazonas

Na fotografia estão alguns soldados que participaram da invasão do quartel da Força Policial em 15 de junho de 1913. A invasão ocorreu porque alguns membros se amotinaram.
Visualizar

Charge sobre a politicagem em Manaus

A charge do O Malho é sobre a politicagem que reina em Manaus. Os comerciantes tiveram que fechar as portas por causa dos tiroteios que estavam acontecendo na cidade.
Visualizar

Família reunida na fazenda Cantídia

O Malho revela o piquenique de diversas famílias na fazenda Cantidia, do coronel J. Alves Júnior, que ficava localizada na Colônia Oliveira Machado.
Visualizar

Liga de Proteção à pobreza ajuda os desvalidos

Na fotografia tirada na frente do Conservatório de Música, podemos ver as pessoas que aguardam para receber as doações feitas pela Liga de Proteção à Pobreza.
Visualizar

Os progressos da politicagem

Num telegrama enviado de Manaus, constava em seu conteúdo que um grupo armado assaltou a casa do vice governado do Estado do Amazonas.
Visualizar

Associados da Liga de Proteção à Pobreza

Na imagem podemos ver os Associados da Liga de Proteção à Pobreza presidida pela senhora Isaura C. Menezes Costa tendo a seu lado as outras integrantes da diretoria.
Visualizar

Ataques ao governador Jonathas Pedrosa

A figura do governador Jonathas de Freitas Pedrosa sendo atacado por uma nuvem de mosquitos, faz referência a todos os ataques sofridos pelos governadores que ocupam o cargo.
Visualizar

Charge sobre a revolta do Amazonas

Na charge sobre a revolta do Amazonas, O Malho mostrou que os personagens, governador Jonathas Pedrosa e seu vice Guerreiro Antony, fugindo das forças federais.
Visualizar

Eleição ao Senado Federal, 1913

Na charge do O Malho aparecem a figura de Jonathas Pedrosa, governador do Amazonas, o Zé Povo e saindo de uma urna o boneco do dr. Barbosa Lima, candidato ao Senado Federal em 1913.
Visualizar

Charge Sobre a Crise da Borracha no Amazonas

O Zé Povo, criado pela Revista O Malho, em conversa com o então governador Jonathas Pedrosa pergunta sobre a crise da borracha no Amazonas.
Visualizar

Grupo em defesa da borracha em Manaus

Na fotografia do O Malho aparecem o grupo em defesa da borracha em Manaus que segundo o rodapé da foto, desfrutam de oito mil contos de réis. 
Visualizar

Charge de Jonathas Pedrosa

Charge do governador Jonathas Pedrosa conversando com o Zé Povo. Ele pede que o governador seja melhor que os anteriores. Não persiga seus opositores e nem traia seus deveres.
Visualizar

Jonathas Pedrosa deixa o Senado Federal

No O Malho Jonathas Pedrosa aparece conversando com Zé Povo sobre sua saída do Senado para governar o Estado do Amazonas. Zé Povo apoia Pedrosa e pede que faça o melhor por esta terra.
Visualizar

A deposição do governador Bittencourt

O título da charge do O Malho fala que pau que nasce torto... Diz respeito a deposição do governador Antonio Bittencourt incitada por Sá Peixoto, vice governador do Amazonas.
Visualizar

Família reunida em Paricatuba

Fotografia extraída do O Malho mostrando a família do coronel Rufino. A reunião foi realizada em Paricatuba em sua fazenda localizada a 30km de Manaus, às margens do rio Negro.
Visualizar

Empastelamento do Jornal O Conservador em Itacoatiara

Imagem retirada do O Malho onde aparece a máquina de prensa do Jornal O Conservador que fora empastelada em 3 de outubro de 1912. A motivação para o ataque ao jornal foi política.
Visualizar

Típica habitação do extremo norte

Na fotografia estão os moradores do barracão, típica habitação do extremo norte. O local é na Barra do Javary, no Estado do Amazonas e a propriedade pertence ao coronel Santa Cruz.
Visualizar

Edifício do Hospital Militar construído em 1808

Edifício do Hospital Militar construído em 1808. Segundo informações o edifícil foi construído no local onde existia um antigo cemitério de indios.
Visualizar

Bittencourt indicado ao Senado Federal

Dá cá, toma lá... o governador do Amazonas Antonio Clemente Ribeiro Bittencourt, aderiu novamente aos Nery, em troca de uma cadeira no Senado Federal.
Visualizar

Charge sobre a política Amazonense

Na charge do O Malho, o Zé Povo fala que não imaginava que o governo do Amazonas se rendesse tão facilmente aos Nerys.
Visualizar

Coronel Leopoldino de Parintins

Na edição do O Malho destaca-se a fotografia do Coronel Leopoldino, tipo popular, morador do município de Parintins, cidade conhecida como Tupinambaranda.
Visualizar

Estabelecimento comercial Arapuca

Na imagem podemos ver o barracão denominado de Arapuca, coberto de palha. O estabelecimento pertence ao senhor Marcellino Leite e estava localizado em Carapanatuba, no Rio Madeira.
Visualizar

Funcionários da Casa de Detenção de Manaus

O Malho recebeu esta fotografia onde aparecem os funcionários da Casa de Detenção de Manaus no ano de 1912. Em 1928 a Casa de Detenção passa a se chamar Penitenciária do Estado.
Visualizar

A Oligarquia Nery no Amazonas

Na edição especial da Revista O Malho de setembro de 1952, em comemoração aos 50 anos de sua fundação, é feita uma reportagem sobre a oligarquia da família Nery no Amazonas.
Visualizar

Homenagem a Herbert Lessa de Azevedo

O Malho faz uma homenagem ao cinquentenário de nascimento do prefeito Herbert Lessa de Azevedo. Lessa foi assassinado por vinte homens alcoolizados que foram assaltar a cidade e a Prefeitura...
Visualizar

Alunos do Colégio Universitário em Manaus

Os alunos do Colégio Universitário em Manaus estavam acompanhados dos senhores José Ramos, José Chevalier, Walmick Chevalier, Alfredo Carvalho, Cassiano Nascimento e Albino Gomes.
Visualizar

Interventor Júlio Nery inaugura Representação do Amazonas

Na fotografia do O Malho, o Interventor Júlio Nery participou da inauguração da Sede da Representação do Amazonas. A sede poderá receber todos que buscam informações sobre o Amazonas.
Visualizar

Posse do Interventor Júlio Nery

Imagem da posse do Interventor Federal Júlio Nery ocorrida no Ministério da Justiça. Na fotografia podemos ver os convidados do banquete oferecido pelo Partido Social Democrático na A.B.I.
Visualizar

Eleição Municipal em Codajás no Amazonas

A fotografia do O Malho foi tirada em 31 de outubro de 1911, em frente a Intendência do Município de Codajás. Ao centro o Superintendente eleito, tenente coronel José Silveira de Mendonça.
Visualizar

Acampamento de manobras na Ponta do Ismael

Na imagem, encontravam-se reunidos no acampamento de manobras na Ponta do Ismael, os militares da 1ª Região Militar e o 19º Grupo de Montanha.
Visualizar

Acampamento dos soldados da Borracha na Ponta Pelada

Na imagem podemos ver a chegada dos novos soldados da borracha no acampamento em Ponta Pelada. Ao fundo podemos ver as árvores que cercam o acampamento.
Visualizar

Militares em acampamento perto de Manaus

Fotografia tirada no acampamento próximo de Manaus, do coronel Rego Barros, dos membros do grupo de inferiores do 46 de caçadores e do 19º grupo de montanha.
Visualizar

Piquenique na ponta do Marapatá

Em 1º de outubro de 1911, um grupo de pessoas se reuniram para participarem de um piquenique lá na ponta do Marapatá, perto de Manaus.
Visualizar

Mulheres trabalhando no beneficiamento da borracha

Na imagem podemos observar as mulheres operárias que substituíram os homens em uma fábrica de beneficiamento de borracha em Manaus.
Visualizar

Leitores assíduos de O Malho

Na edição de 1911, David J. Carlos e David José Israel aparecem segurando um exemplar do O Malho nas mãos. Os rapazes pertencem a famílias influentes de Manaus e de Manacapuru.
Visualizar

Marco de limites entre os Estados do Amazonas e Mato Grosso

Fotografia datada de 1911, do momento em que era lida a Ata de assentamento do Marco de Limites entre os Estados do Amazonas e Mato Grosso.
Visualizar

Acampamento dos soldados da Borracha

Imagem das acomodações, em Ponta Pelada, que iriam receber os novos soldados da borracha. Ao fundo podemos ver o Rio Negro.
Visualizar

Festa na fazenda do major Sotero

Festa realizada ao ar livre na fazenda do major Sotero as margens do rio Amazonas. O Malho agradece a fotografia que foi enviada para sua redação pelos seus leitores e leitoras de Manaus.
Visualizar

Grupo carnavalesco na Vila de Borba

Na fotografia tirada no carnaval de 1911, mostra um grupo carnavalesco na Vila de Borba. Na foto o grupo é formado por jovens e adultos.
Visualizar

Festejo religioso em Manaus

O Malho registrou em sua edição de julho de 1911 a reunião dos membros da comissão dos festejos de Maria Santíssima que se realizaria no bairro dos Tocos, atual, bairro de Aparecida.
Visualizar

Vista da entrada do Porto de Manaus

Na imagem vemos o Porto de Manaus. Da margem até o cais, a ponte flutuante mede 167 metros de comprimento por 12 de largura e sua inauguração ocorreu em 1907.
Visualizar

Imagem da avenida Eduardo Ribeiro na década de 1940

Vista aérea da avenida Eduardo Ribeiro, tendo ao fundo o Rio Negro e as torres da Igreja da Matriz e vemos o lindo trabalho de podagem das árvores da avenida.
Visualizar

Manaus a joia do Rio Negro

Foi no governo do prefeito Antonio Maia que Manaus foi destaque no O Malho no ano de 1938. Nas imagens vemos as fachadas dos edifícios construídos no período áureo da borracha.
Visualizar

Inauguração do Departamento de Saúde do Amazonas

Fotografia da Inauguração do Departamento de Saúde do Amazonas. O Prédio ficava localizado na Praça do Congresso. Em 1974 o Prédio do Departamento de Saúde foi demolido sem justificativa.
Visualizar

Porque desaparecem os nossos indígenas?

Porque desaparecem os nossos indígenas? Na edição do O Malho, é mostrada as várias causas que influenciaram o desaparecimento dos povos indígenas nas Américas.
Visualizar

Tipos de habitações na região amazônica

O Malho em sua reportagem especial apresenta as diferentes habitações da região amazônica. Em destaque as casas flutuantes e os barracões, construídos na várzea e na terra firme.
Visualizar

Banco para Valorização da Borracha

Na charge do O Malho aparecem os representantes dos Estados do Amazonas e Pará, Antonio Bittencourt e o Deputado Justiniano caracterizados de marceneiros.
Visualizar

Formandos do Curso Ginasial em 1910

Após o banquete oferecido pelo bacharel Siva D'aguiar Cardoso, todos se reuniram para eternizar o momento de felicidade dos Formandos do Curso Ginasial de 1910.
Visualizar

Multidão recebe Antonio Bittencourt

Na fotografia de O Malho uma multidão aguarda, em frente a residência do governador Antonio Clemente Ribeiro Bittencourt sua chegada após ser deposto no início de outubro de 1910.
Visualizar

Abertura do Congresso Estadual do Amazonas

Solenidade que abriria oficialmente os trabalhos do Congresso Estadual do Amazonas, com a participação da banda de música que aguarda, enfileirados, na avenida Sete de Setembro.
Visualizar

O Caso do Amazonas pós bombardeio em 1910

Governador Bittencourt observa a cadeira que está cheia de pontas afiadas e que caracteriza o governo do Amazonas. Sua expressão é de preocupação com o retorno ao cargo.
Visualizar

Edna Ribeiro a primeira Miss Amazonas

Fotografia de Edna Frazão Ribeiro, a primeira Miss Amazonas eleita por voto popular em 1929. Edna Frazão Ribeiro faleceu na cidade de Humaitá em 1943 ao contrair o Tifo.
Visualizar

A briga das feras pelo poder no Amazonas

Na charge da Revista O Malho vemos sobre o caso do Amazonas ou a briga das feras, onde a briga pelo poder é simbolizada pelos jacarés.
Visualizar

Governador do Amazonas Ephigênio Salles

Fotografia do governador do Amazonas Ephigênio Ferreira de Salles que governou o Estado nos anos de 1925 a 1929. Além disso, Salles após o fim de seu mandato elegeu-se Senador. 
Visualizar

3ª Companhia de Metralhadoras pesadas do Amazonas

Imagem retirada da Revista O Malho. Na foto posando para o fotógrafo, estão os membros da 3ª Companhia de Metralhadoras que retornaram a pouco tempo do Amazonas.
Visualizar

Edifício dos Correios do Amazonas

O prédio de estilo eclético, possui revestimento cerâmico e tijolos aparentes em toda fachada. Sua construção datada do início do século XX foi para abrigar a firma Marius & Levy.
Visualizar

Agência Vale Quem Tem de Manaus

Imagem da festa realizada, num bonde, pela Agência Vale Quem Tem de Manaus. A comemoração foi porque a Loteria Federal vendeu o bilhete premiado a um apostador de Manaus. 
Visualizar

Centenário da Independência do Brasil no Palácio Rio Negro

Fotografias do O Malho mostram a concentração de pessoas que foram comemorar o Centenário da Independência do Brasil. Chamam atenção a iluminação noturna dos edifícios.
Visualizar

Centenário da Independência do Brasil em Manaus

Fotografias da revista “O Malho”, mostram a reunião de pessoas em diversos locais da cidade de Manaus em comemoração ao Centenário da Independência do Brasil.
Visualizar

Bittencourt volta ao governo do Amazonas em 1910

Na charge do O Malho, o governador do Amazonas, Antonio Clemente Ribeiro Bittencourt está sendo posto, novamente, no comando do Estado. Isto com o apoio do presidente Nilo Peçanha.
Visualizar

Funcionários da Manaus Markets

Fotografia dos Funcionários da Manaus Markets. Empresa que havia ganhado os direitos de explorar o Mercado Adolpho Lisboa por 50 anos, mas teve seu contrato extinto.
Visualizar

Tenente coronel Virgílio de Barros

Fotografia do então tenente coronel Virgílio de Barros, membro da Intendência de Coari. Barros foi um trabalhador dedicado ao então município de Coari.
Visualizar

Banda de Música do 27º Batalhão de Caçadores

Na fotografia estão os integrantes da Banda de Música do 27º Batalhão de Caçadores. O 27º Batalhão de Caçadores ficava aquartelado na cidade de Manaus.
Visualizar

A morte de Thaumaturgo de Azevedo

O marechal Gregório Thaumaturgo de Azevedo, militar do Exército Brasileiro, faleceu em agosto de 1921. O Malho faz um pequeno histórico da vida do marechal Thaumaturgo.
Visualizar

Chegada do marechal Thaumaturgo de Azevedo

Na imagem retirada da Revista O Malho, uma parte da população de Manaus aguarda a chegada do marechal Thaumaturgo de Azevedo a cidade. A foto foi tirada na frente do Paço da Liberdade.
Visualizar

Corporação tipográfica do Jornal do Commercio em Manaus

Na fotografia constam parte do corpo tipográfico do Jornal do Commercio de Manaus: Santos Aranha, Raymundo Caboclo, José Godinho Ferreira, Roque Peixoto, Roque Braga entre outros.
Visualizar

A Crise da Borracha nos seringais do Amazonas

Na Revista O Malho os trusts norte americanos com suas calças listradas prendem a borracha, retratada por uma mulher, a uma árvore. A intenção era ficar com os seringais do Amazonas.
Visualizar

Governador Bacellar indica Dr. Rego Monteiro ao Senado Federal

Na charge do O Malho, o Jeca Tatú comentado sobre um telegrama do governador Alcântara Bacellar que pretende indicar o dr. Rego Monteiro ao Senado Federal no ano de 1920.
Visualizar

Briga Política no Amazonas

Na charge do O Malho é mostrado a luta entre duas feras, a sussuarana e a onça pintada. Os rostos das feras representam o governador Antonio Bittencourt e do senador Silvério Nery.
Visualizar

Quadro das Professoras formadas na Escola Normal do Amazonas

Na Revista O Malho aparece o Quadro com a fotografia das 16 professoras que se formaram na Escola Normal do Amazonas do ano de 1918.
Visualizar

Família de Luiz A. Costa

Fotografia extraída do O Malho do ano de 1919, mostra a família do funcionário postal de Manaus, senhor Luiz A. Costa acompanhado de sua esposa e de seus cinco filhos.
Visualizar

Grupo de salva-vidas de Manaus

Na fotografia extraída do O Malho na edição do ano de 1910, estão posando com seus objetos de trabalho, cinco salva vidas que atuavam na cidade de Manaus.
Visualizar

Bacellar indica Silvério Nery ao Senado

Na charge, Alcântara Bacellar governador do Amazonas colocou o ex governador Jonathas Pedrosa para escanteio e indicou Silvério Nery, do grupo situacionista do Amazonas a uma vaga no Senado.
Visualizar

Maximino Corrêa e a indústria de açucar

Na charge Maximino Corrêa conversa com o governador Alcântara Bacellar pedindo-lhe uma ajuda para montar uma usina de cana de açúcar.
Visualizar

Major Miguel Arcanjo Monteiro

Fotografia do O Malho onde mostra o Conferente da Recebedoria do Estado o major Miguel Arcanjo Monteiro acompanhado com suas quatro gentis afilhadas.
Visualizar

Confusão na posse de Alcântara Bacellar

A charge do O Malho é sobre a confusão ocorrida na posse de Alcântara Bacellar. Houve mortos e feridos, e tudo começou por conta da oposição liderada por Guerreiro Antony.
Visualizar

Piquenique na floresta de Flores

Na foto estão um grupo de pessoas num piquenique na floresta de Flores, nos arrabaldes de Manaus. Segundo O Malho o senhor Fortunato José de Oliveira é um assíduo leitor da revista.
Visualizar

Carro enfeitado para o Carnaval de Manaus em 1917

O carro com seus ocupantes que aparece na edição do O Malho foram clicados ao lado do Teatro Amazonas. Na ocasião os mesmos estavam enfeitados para o desfile no carnaval de 1917.
Visualizar

O ensino no Amazonas no ano de 1916

Na fotografia do O Malho datada de 1916, aparece em sua maioria as alunas da Escola que foi dirigida pela distinta professora Maria Sylvia Jardim de Oliveira. 
Visualizar

Charge sobre o caso do Amazonas

Charge onde o Zé Povo conversa com Nilo Peçanha sobre os políticos que planejam modificar a Constituição do Amazonas para que a mesma sirva a seus próprios interesses.
Visualizar

Sessão da Assembleia Legislativa do Amazonas

Foto retirada da Revista O Malho de 1916, onde mostra uma sessão da Assembleia Legislativa do Amazonas. Segundo O Malho, a sessão legislativa estava cheia pois seria dia de subsidio.
Visualizar

Barracão do seringal Soccó no Amazonas

Na fotografia do O Malho estão os extratores do látex do seringal Soccó juntamente com suas esposas e filhos. Na imagem podemos ver as inúmeras crianças que moravam no seringal.
Visualizar

General Thaumaturgo versus Alcântara Bacellar

General Thaumaturgo de Azevedo, bate à porta do Supremo Tribunal Federal pedindo um habeas-corpus para que assumisse o governo do Amazonas no lugar de Alcântara Bacellar.
Visualizar

Conde José de Sabbatini chega a Manaus

Na fotografia do O Malho o amazonense Conde José de Sabbatini. O violinista chegou a cidade de Manaus onde fará alguns concertos no Theatro Lyrico.
Visualizar

Lusitanos no Bosque Municipal Amazonas

Fotografia de um grupo de lusitanos que se reuniram para um piquenique no Bosque Municipal Amazonas. Entre eles estão Germano Figueiredo, secretário Gastão e José Soares entre outros.
Visualizar

Banda de Música de Coari

Na fotografia tirada da Revista O Malho, estão os integrantes da Banda de Música do município de Coari. A Banda tocou em homenagem ao novo governo municipal e também a sua criação. 
Visualizar

Diplomandos da Escola Normal em 1907

Nas páginas do O Malho, estão as fotografias dos Formandos da Escola Normal do Amazonas do ano de 1907. Estão entre os 15 formandos, 6 são homens e 9 são mulheres.
Visualizar

Charge de Alcântara Bacellar e as Eleições no Amazonas

Na charge do O Malho a disputa eleitoral para ocupar o cargo de governador do Amazonas é ilustrado como uma caçada, onde os caçadores são Silvério Nery e Jonathas Pedrosa.
Visualizar

A fera Silvério Nery chegando ao Senado

Na charge a onça representa Silvério Nery, que pertence a uma das oligarquias mais influentes do Amazonas. Nery chega de mansinho para pleitear uma vaga no Senado em 1909.
Visualizar

General Gregório Thaumaturgo de Azevedo

Na charge do O Malho aparecem os possíveis candidatos ao governo do Amazonas em 1916. Mesmo com todas as indicações o nome que se destacou foi do general Gregório Thaumaturgo de Azevedo.
Visualizar

Coronel Alberto Ventura da Conceição

Fotografia do Superintendente de Manacapuru, que se originou de uma aldeia de índios Muras, Coronel Alberto Ventura da Conceição, retirada da Revista O Malho.
Visualizar

Candidatos ao governo do Amazonas em 1916

O governador Jonathas Pedrosa aparece na charge tentando espantar a nuvem de mosquitos que teimam em atacar o dr. João Lopes, seu indicado ao governo do Amazonas.
Visualizar

Inauguração da Alfândega de Manaus

Estiveram presentes a Inauguração juntamente com a população, o 1º Batalhão da Sociedade de Tiro Brasileiro no Amazonas que bateu continência em respeito à bandeira.
Visualizar

Força Policial do Amazonas

Fotografia do O Malho exibe os membros da Força Policial do Amazonas. Entre os vinte e seis membros podemos destacar Alexandre Montoril que em 1928 foi nomeado prefeito de Coari.
Visualizar

Piquenique realizado em Cachoeirinha

Fotografia do O Malho na edição do ano de 1908, mostra um grupo de pessoas reunidas em cachoeirinha participando de um piquenique. A fotografia foi tirada pelo senhor Leopoldino Byron.
Visualizar

Variante da oligarquia da família dos Nerys

O presidente Afonso Pena acabou com a variante da oligarquia da família dos Nerys que queriam fazer um revezamento no governo do Amazonas.
Visualizar

Cerimônia de casamento em Manacapuru

Fotografia do O Malho retrata a festa de casamento do capitão Ignácio Gomes de Oliveira, na Fazenda Santa Luzia em Manacapuru. Na foto ao centro, estão os noivos e seus convidados.
Visualizar

Resultado da eleição para governador do Amazonas

A charge representa a grande confusão no resultado da eleição para governador do Amazonas no ano de 1916, pois aparecem os nomes do dr. Alcântara Bacellar e de Thaumaturgo de Azevedo.
Visualizar

Grupo de rapazes do Avança

Fotografia enviada a redação do O Malho mostra vários rapazes pertencentes ao Grupo Pessoal do Avança. Os jovens são oriundos do município de Itacoatiara, interior do Amazonas.
Visualizar

Cinismo no Amazonas: Enlace Nery-Reis

Caricatura do O Malho em comemoração ao enlace Nery e Reis. Onde a noiva é o proprietário do Jornal do Commercio, dr. Vicente Reis e o noivo o ex senador Silvério Nery.
Visualizar

Fraude na Assembleia Estadual do Amazonas

Para atrapalhar a eleição na Assembleia Estadual no ano de 1915, Silvério Nery presidente do Partido Conservador e Guerreiro Antony, do Liberal, forjaram atas após a fusão de seus partidos.
Visualizar

O violinista Conde José de Sabbatini

Fotografia tirada do O Malho mostra o célebre violinista Conde José Sabbatini, natural do Estado do Amazonas. Na foto o célebre músico posa com seu o instrumento.
Visualizar

Conspiração para matar Jonathas Pedrosa

Na edição de agosto de 1915 O Malho destaca a conspiração para matar o governador Jonathas Pedrosa e o chefe da Polícia. Tudo indica que o mandante seriam pessoas ligadas aos Nerys.
Visualizar

Igreja Matriz de Manacapuru

Imagem da Igreja Matriz de Nossa Senhora de Nazaré ainda em obras. Hoje a centenária Igreja Matriz é o cartão postal da cidade que fica localizada na margem esquerda do Rio Solimões.
Visualizar

Decadência da Borracha no Amazonas

No O Malho aparece a seringueira maltrapilha, um homem com cara de preocupação que representa o Estado do Amazonas e ao fundo o Zé Povo que culpa os administradores pela crise do látex.
Visualizar

Banquete oferecido a Silvério Nery

Na fotografia tirada do O Malho podemos ver, ao redor de uma mesa, os ilustres convidados do banquete oferecido em Lisboa ao senador Silvério Nery.
Visualizar

19º Grupo de Artilharia Montada

Na imagem aparecem algumas crianças com chapeu de papel. Segundo a legenda, o Grupo de Artilharia estaria fazendo um treinamento pacífico.
Visualizar

Charge de Constantino Nery

Na charge o governador Constantino Nery segura em sua mão, seu irmão Silvério Nery. Dizem que Silvério está se preparando para assumir o governo no lugar de seu irmão.
Visualizar