Há mais de quatrocentos anos um confrade já dizia

Há mais de quatrocentos anos um confrade já dizia

Primordialmente, ja dizia Pero Vaz de Caminha, já proclamava “em se plantando nela, tudo dá”. Em qualquer lugar do universo. Fotos de frente e de perfil, ou até de cabeça pra baixo, em prosa e verso, em vários idiomas, mostrando a beleza da Natureza.

Mas nesta heróica Manaus o fato passa desapercebido. Menos para o jornalista Rogaciano Leite, muito melhor que o outro confrade já anunciado, no descrever as coisas e desta idolatrada Pátria, Salve, Salve!

Rogaciano, que também é poeta, passou pela Primeira Ponte e viu esta maravilha: um mamoeiro, já adulto, no muro de arrimo, bem empinado e sobranceiro.

Não distraiam as vistas assim olhando para o resto da paisagem, admirem bem o mamoeiro e concordem que tinha razão o sujeito que chamou este país de essencialmente agrícola.

Coluna A Cidade em Foto do Jornal A Gazeta, 21 de março de 1964.