• Título de “Cidadão do Amazonas”
    • Amazonas
    • Artigos Especiais
    • Em Destaque
    Durango Duarte recebe título de “Cidadão do Amazonas”

    Na manhã desta sexta-feira, 20/9, o fundador do IDD, sr. Durango Martins Duarte, foi homenageado com o título de “Cidadão do Amazonas” pela Assembleia Legislativa do Estado.

    A autoria da proposta foi do ex-deputado e atual vereador, Chico Preto, e aprovada pelo presidente da Aleam, Josué Neto.

    O evento ocorreu no plenário Ruy Araújo e contou com a presença de várias autoridades e convidados.

    Um apaixonado pela história de Manaus e do Amazonas, Durango afirmou que o pouco que ele faz é nada mais do que uma contribuição ao estado que o recebeu pela primeira vez em 1975:

    “Tudo o que tenho hoje é produto do meu esforço e das oportunidades que esta terra me possibilitou. Vou até os últimos dias da minha vida manter este objetivo: preservar e registrar a história da minha cidade e do meu estado.”

    Durango nasceu em 11 de novembro de 1963 na cidade de Cachoeira do Sul-RS, e fixou residência definitiva em Manaus-AM a partir de meados de 1982.

    Entre outras obras literárias, é autor/produtor dos livros “Manaus, entre o passado e o presente” (2009), “Caso Delmo: o crime mais famoso de Manaus” (2011), “Imprensa amazonense: chantagem, politicagem e lama” (2015), “Crônicas de Manaus: Josué Claudio de Souza – Publicações em 1946” (2016) e “José Osterne de Figueiredo: um grande azarado ou um assassino em série?” (2017).

    Imagens:  Joel Arthus – Repórter Fotográfico

    Assessoria  do Deputado Estadual Josué Neto – Presidente da  ALEAM

  • Instituto Durango Duarte - TV Ajuricaba
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    TV Ajuricaba

    Imagem tirada pelo fotógrafo Correa Lima, do aparelho de televisão sintonizado na TV Ajuricaba de Manaus. A TV que estava em testes e iria entrar em atividade nos próximos dias de 1969. Na programação estavam os principais programas das tevês de São Paulo e da Guanabara.

    Fonte: O Jornal de 24 de janeiro de 1969.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte - Pilhas Ray-O-Vac
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    Pilhas Ray-O-Vac

    Carregamento das Pilhas Ray-O-Vac sendo retiradas no Porto de Manaus pelos trabalhadores. As pilhas, um total de 1.500 caixas, chegaram pelo navio Cynthia e foram distribuídas no comércio da Zona Franca já todas vendidas, mesmo com um valor mais caro que as importadas.

    Fonte: O Jornal de 23 de janeiro de 1969.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte- José Lindoso
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    José Lindoso

    Reportagem do O Jornal parabenizando José Lindoso, Deputado Federal e Presidente da ARENA no Amazonas, tendo sido também Governador do Amazonas (1979-1982), pela passagem de seu natalício. Lindoso foi professor da Faculdade de Direito do Amazonas e um dos homens que mais conhecia os problemas da região.

    Fonte: O Jornal de 21 de agosto de 1969.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte - Antigo Prédio do Tribunal Regional Eleitoral
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    Antigo Prédio do Tribunal Regional Eleitoral

    Imagem do prédio, já demolido, do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, que estava localizado na Avenida Eduardo Ribeiro com rua José Clemente, centro de Manaus. O prédio foi construído, no período em que Álvaro Maia foi interventor no Amazonas, em 1943 para sede do Departamento das Municipalidades.

    Fonte: O Jornal de 17 de maio de 1969.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte - Incêndio atinge lancha Sara Kubitschek
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    Incêndio atinge lancha Sara Kubitschek

    Imagem dos bombeiros e populares que ajudaram a controlar o incêndio que começou no Pontão Rio Negro e atingiu a lancha Sara Kubitschek, dois motores atracados no pontão e mais uma alvarenga carregada de juta.

    Fonte: O Jornal de 16 de outubro de 1969.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte - Waupés, importante rua de Manaus
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    Waupés, importante rua de Manaus

    Nas imagens estão as máquinas que prepararam a base para o início dos trabalhos de compactação e depois receberia o revestimento asfáltico da firma contratada; e a vista parcial da grandiosa Waupés, rua que foi traçada para facilitar a distribuição do trânsito em nossa cidade e aproximar mais o centro da cidade. O engenheiro Orlando Holanda Cabral, titular do Departamento Rodoviário Municipal, com a aprovação do prefeito Paulo Pinto Nery traçou o programa que foi cumprido rigorosamente.

    Fonte: O Jornal de 23 de maio de 1967.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte - Linhas Aéreas da Espanha, IBERIA
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    Linhas Aéreas da Espanha, IBERIA

    Na foto estão a senhora Maria de Lourdes Archer Pinto, diretora do O Jornal, com o senhor Joaquim Vieira Pontes, diretor do Departamento de Vendas da IBERIA, atualmente em Manaus. A Firma Imporbrás, Importadora Brasileira, localizada na rua Rui Barbosa centro de Manaus, foi a escolhida para oferecer os planos de viagem da IBERIA.

    Fonte: O Jornal de 26 de julho de 1967.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte - Fábrica Baré
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    Fábrica Baré

    Reportagem do O Jornal de 30 de julho sobre a Fábrica Baré, Indústria Amazonense de Bebidas, situada a rua José Clemente, centro de Manaus. Nas imagens, a fachada da Fábrica e as máquinas utilizadas para engarrafar os refrigerantes. Os que mais se destacavam eram o Guaraná Baré e paralelamente a Pepsi-Cola distribuídas em todo o Amazonas, mediante convênio com os donos do produto, sediados nos Estados Unidos.

    Fonte: O Jornal de 30 de julho de 1961

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte - Título de Cidadão de Manaus
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    Título de Cidadão de Manaus

    Na edição de 28 de dezembro do O Jornal, foi publicada a homenagem ao professor Pedro Silvestre da Silva, que sempre foi um batalhador da causa do ensino em nossa terra. Lecionou em diversos colégios secundários da cidade e no seu educandário, Ginásio Brasileiro e Escola Técnica de Comércio Brasileira. O Título de Cidadão de Manaus foi concedido pela Câmara Municipal e publicado no Diário Oficial do Estado, Lei n. 694 de 6 de outubro de 1961.

    Fonte: O Jornal de 28 de dezembro de 1961.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte - Teatro Amazonas reinaugurado em 1961
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    Teatro Amazonas reinaugurado em 1961

    Com as dependências lotadas por autoridades e pela população, foi reinaugurado na noite do dia 26 de janeiro o Teatro Amazonas, monumento do período áureo da borracha no Amazonas.

    A reforma realizada pelo então governador Gilberto Mestrinho, que chegou em carro aberto e foi recebido com aplausos, ocorreu no seu segundo ano de governo.

     Fonte: A Crítica de 27 de janeiro de 1961.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

  • Instituto Durango Duarte - Recenseamento do IBGE no Amazonas
    • Amazonas
    • Coleções
    • Iconografia
    Recenseamento do IBGE no Amazonas

    Foi distribuído à imprensa pela Inspetoria Regional de Estatística do IBGE o boletim informativo onde acusava a existência de 740.010 habitantes no território do Amazonas, contra 514.099 do recenseamento realizado no ano de 1950.

    Fonte: O Jornal de 21 de janeiro de 1961.

    Coletânea de curiosidades e fatos históricos ocorridos na década de 1960, publicados pela imprensa de Manaus.

Título de “Cidadão do Amazonas”
Instituto Durango Duarte - TV Ajuricaba
Instituto Durango Duarte - Pilhas Ray-O-Vac
Instituto Durango Duarte- José Lindoso
Instituto Durango Duarte - Antigo Prédio do Tribunal Regional Eleitoral
Instituto Durango Duarte - Incêndio atinge lancha Sara Kubitschek
Instituto Durango Duarte - Waupés, importante rua de Manaus
Instituto Durango Duarte - Linhas Aéreas da Espanha, IBERIA
Instituto Durango Duarte - Fábrica Baré
Instituto Durango Duarte - Título de Cidadão de Manaus
Instituto Durango Duarte - Teatro Amazonas reinaugurado em 1961
Instituto Durango Duarte - Recenseamento do IBGE no Amazonas