Artigos

30 de Maio de 2016

Entre desvios e fraudes, a saúde pública em Manaós desde 1852

Filas, demora, caos e falta de remédios, estas notícias circulam praticamente todos os dias na imprensa amazonense, evidência a precária falta de estrutura do aparato de saúde na capital do Amazonas.

Articulista-Julio-SilvaApaixonado pelo Amazonas e sua história, ama tambaqui assado e creme de cupuaçu - esse último só perde para o sexo. Amante da leitura e do futebol, tem o coração azul como o Nacional, o boi é o Corre-campo. Historiador de formação, com mestrado em História pela UFAM, mas se considera um aprendiz da matéria. Júlio Silva
Historiador
30 de Maio de 2016

Contando histórias (3)

O jornalista Flaviano Limongi que, durante anos escreveu diariamente a coluna “Bazar” no Jornal A Crítica, vez por outra dava uma força na Editoria de Esportes do jornal. Certa ocasião, em uma viagem do Belmiro Vianez – que era oficialmente o editor de esportes – a Portugal, o Limongi assumiu a editoria.

Articulista-Claudio-BarbozaUm místico religioso, que hoje poderia ser arcebispo pelo tempo de estudo no seminário... Mas fez opção pelo jornalismo. Entre Manaus e Minas uma dúvida eterna. Ex-jogador de basquete, Garantido de coração e tricolor das Laranjeiras. Graduado em Filosofia na Faculdade Belo Horizonte, jornalismo pela UFAM, mestre em sociologia pela UFMG. Cláudio Barboza
Jornalista
28 de Maio de 2016

Passe único para os coletivos, uma vitória dos estudantes

Naquele dia, os estudantes vão ao prefeito José Fernandes, que finalmente baixa um decreto estabelecendo normas para a venda e o uso do passe único – que passaria a ser vendido tão logo a gráfica Thomas de La Rue, do Rio de Janeiro, contratada pela prefeitura, entregasse a impressão do primeiro lote.

Articulista-Durango-DuarteGaúcho amazonense, militante estudantil nos anos 1980, empresário nas áreas de Marketing e Comunicação, consultor político, autor de diversas obras literárias, articulista, blogueiro, diretor presidente do Instituto Durango Duarte, apaixonado por história do Amazonas e de Manaus, às vezes torce pelo Grêmio. Durango Duarte
Empresário
27 de Maio de 2016

Manaus é a Veneza brasileira

Manaus tem mais que trezentas pontes. Até gostaria de discorrer sobre cada uma delas, mas não dá a maioria não possui nome oficial.

Articulista-Lucio-MenezesManauara, criado na José Clemente, Rua integrante do mais famoso quadrilátero do planeta terra. Torcedor do Fluminense, filho de Luiz e Joanna, canhoto, apreciador de vinho, cantor de banheiro, ex-atleta, ex-cabeludo, arremedo de poeta e escritor, heterossexual, sonhador e eterno aprendiz. Lúcio Menezes
Administrador
24 de Maio de 2016

Cidade da história

Ainda que aparentemente mergulhado em devaneio nostálgico, justifico esse meu passeio afetivo por uma cidade que mistura o vivido ao imaginado, e ainda que estejamos em outra época acredito ser possível compartilhar, mesmo com aqueles de memória mais recente.

Amazonense, artista visual e historiador da cidade. Gosta de literatura, música, cinema e fotografia. Não dirige, mora no centro da cidade. Nada no Nacional e anda pela cidade olhando e fotografando pequenas coisas. Otoni Mesquita
Professor
24 de Maio de 2016

O dia que briguei com o Délio e os hinos pátrios

Minha primeira briga foi no primeiro ano primário, com meu melhor amigo na turma. Chamava-se Délio. Não faço a menor idéia do motivo. Sei, que para surpresa dele, eu tomei a iniciativa. […] Não sei quanto tempo durou e nem como acabou. Depois ficamos amigos para sempre.

Articulista-José-SardinhaNascido caipira-pirapora, virou amazonense em meados dos anos 70. Por acaso militou no movimento estudantil, ajudou a criar um partido e virou médico. Não sabe rezar, mas adora música. Não sabe ganhar dinheiro, mas tem todos os vícios enunciáveis de público sem corar. É ex-atleta, sem convicção nenhuma e desconfiado. José Carlos Sardinha
Médico
23 de Maio de 2016

Do amor aos livros e à leitura

Menino de 3 anos de idade, entre curioso e extasiado, dependurado no muro de trás, assistia aos trabalhos dos tratores e máquinas que cobriam as pedras daquela rua com o negro asfalto da moderna urbanização que escurecia as cores da cidade.

Articulista-Jorge-AlvaroGinasiano do Colégio Estadual, de 1969 a 1975, tímido para ser líder, somente em 1996 presidiu a associação dos juízes trabalhistas da Região, por dois anos. De Manaus, onde pretende morrer, ouve música e assiste filmes, indiscriminadamente. Mais leitor que escritor, afinal ser o segundo é para poucos. Aceita desafios. Jorge Alvaro
Magistrado
21 de Maio de 2016

Igreja de São Sebastião fecha suas portas em sinal de repúdio

O desrespeito das forças policiais a um local considerado sagrado provoca nota de repúdio do Conselho Presbiteral da Arquidiocese de Manaus – falou-se em “sacrilégio” – em um duro editorial de A Crítica, intitulado “Brutalidade”.

Articulista-Durango-DuarteGaúcho amazonense, militante estudantil nos anos 1980, empresário nas áreas de Marketing e Comunicação, consultor político, autor de diversas obras literárias, articulista, blogueiro, diretor presidente do Instituto Durango Duarte, apaixonado por história do Amazonas e de Manaus, às vezes torce pelo Grêmio. Durango Duarte
Empresário
18 de Maio de 2016

Parcas impressões de viagem

Foram 23 dias de viagem, justa e merecida, pelas bandas de Portugal, Itália e França. Nestes dois últimos, a bronca alta é com a questão de uma imigração com cara de invasão e jeitão de fatura histórica.

Articulista-Jeferson-BrasilFoi baterista, segundo ele, do sofrível conjunto musical “Os Paqueras”. Jogou basquete, futebol e tênis de quadra. Admite, orgulhosamente, que seus dois irmãos jogavam muito mais. Sua vingança é hoje ser corredor de rua, com sonho de virar maratonista. É cronista bissexto. Jeferson Garrafa Brasil
Administrador
17 de Maio de 2016

A vida na casa “do calipeiro”

Meu irmão, o que namorava a feia, era um exímio desenhista, à mão livre. Desenhava principalmente cowboys. Esse talento reapareceu também em mim, sem que, porém, jamais atingisse o nível dele.

Articulista-José-SardinhaNascido caipira-pirapora, virou amazonense em meados dos anos 70. Por acaso militou no movimento estudantil, ajudou a criar um partido e virou médico. Não sabe rezar, mas adora música. Não sabe ganhar dinheiro, mas tem todos os vícios enunciáveis de público sem corar. É ex-atleta, sem convicção nenhuma e desconfiado. José Carlos Sardinha
Médico
14 de Maio de 2016

Para fugir da agressão da PM, estudantes se refugiam na igreja

No dia do ato público, quando cerca de trinta estudantes se aglomeravam na praça, a Polícia Militar investe contra os manifestantes. Para fugir da agressão, os jovens procuram refúgio dentro da igreja, “onde a tropa os perseguiu, de armas na mão, prendendo dez deles e disparando alguns tiros.

Articulista-Durango-DuarteGaúcho amazonense, militante estudantil nos anos 1980, empresário nas áreas de Marketing e Comunicação, consultor político, autor de diversas obras literárias, articulista, blogueiro, diretor presidente do Instituto Durango Duarte, apaixonado por história do Amazonas e de Manaus, às vezes torce pelo Grêmio. Durango Duarte
Empresário
13 de Maio de 2016

Onde andar em Manaus?

Um dos espetáculos que mais fascinava os escritores do século XIX, em plena efervescência da modernidade industrial, eram as multidões.

Articulista-Gilson-GilCarioca, nascido em Madureira e criado no Catete. Sociólogo e professor da UFAM, já trabalhou em várias instituições de ensino no Amazonas e em outros Estados. É torcedor do Flamengo, está em Manaus desde 1992 e possui uma filha meio carioca, meio manauara. Torce pela cidade e pelas pessoas que aqui vivem. Gilson Gil
Sociólogo
Página 20 de 23...10...19202122...

Articulistas