• A Cidade em Foto
    • A Cidade em Foto
    • Iconografia
    • Manaus
    Catraia já foi transporte coletivo

    Coluna A Cidade em Foto do Jornal A Gazeta de 15 de janeiro de 1964.

    Da Rua dos Andradas ao Educandos. Da Fábrica de Cerveja a São Raimundo, indo e vindo. De lá pra cá, daqui pra lá. Rio cheio percurso maior. Bancos dos lados, com toldo nos dias de sol. Bem enfeitadas para a procissão de São Pedro eram as preferidas antes da ponte “Presidente Dutra” mostrar o caminho da estrada de São Raimundo. Quando a baixa da égua era linha divisória entre o bairro e a estrada de Educandos. Sem os ônibus fazendo a concorrência. Quase a única ligação com a cidade, tinham freguesia certa. Principalmente nas horas de refeição ou quando havia arraial nos bairros. Indo pro meio do rio isolando tudo. Nas ocasiões em que um visitante saía do sério ou precisava correr. Principalmente nos campos de futebol quando o time local perdia. Muitos passageiros, ninguém ficava em pé, todo mundo sentadinho, pra dar lugar. E o catraieiro com suas falas batendo na água, movimentando a pesada catraia que apesar do progresso ainda vão da Rua dos Andradas ao Educandos, da Fábrica de Cerveja a São Raimundo. Daqui pra lá, de lá pra cá.

Fechar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *